Pular para o conteúdo principal

Postagens

Destaques

As que podem ser rifadas

Nos últimos tempos, tenho acompanhado pelo Twitter um número cada vez maior de trabalhadoras sexuais interagindo diretamente com seus possíveis clientes, postando fotos e vídeos em troca de mais compartilhamentos e também, de forma criativa, inventando jogos e brincadeiras. Sugerem presentes escolhidos em portais de sex shops, que depois exibem aos gentis patrocinadores pela web cam. Fazem vaquinhas, sorteiam ou vendem fotos exclusivas e shows. A criatividade neste mercado parece não ter limites: se tornaram bastante comuns as rifas, onde a acompanhante oferece uma, duas ou três horas de sua companhia para o feliz contemplado. Por valores que podem variar entre 5 e 30 reais, pode-se concorrer ao encontro dos sonhos. Elas são sempre bastante claras: os sorteios explicitam o período, muitas vezes também o local do encontro, e sempre especificam as práticas permitidas e as vetadas. Não estão vendendo ou alugando os seus corpos, não estão vendendo direitos sobre si: estão sorteando um pe

Últimas postagens

O problema não é José Mayer

"Tudo bem" é sempre "tudo bem"..

Governo Escuta: Rede Lilás

O preconceito nunca dorme

Um novo negócio antigo

Nanda Costa: a volta da inocência?

69 com gosto!

Sem alarde...

Curiosidade antropológica

Novo anúncio no ar: VipLuxúria.net